Será que é crônica?

10 04 2008

Reuni algumas particularidades da crônica nesta lista. Vejam lá se ajuda.

  • autor observa uma situação que pode acontecer com qualquer pessoa ou um fato recente
  • autor transforma um assunto específico em reflexão sobre a vida; seu objetivo não é trazer informações, mas fazer o leitor pensar sobre o dia-a-dia
  • o narrador geralmente é o autor, mas o foco narrativo pode ser em 1ª ou em 3ª pessoa
  • a linguagem costuma ser informal e em tom de conversa, há proximidade com a fala, com a espontaneidade, com as palavras do dia-a-dia, com as gírias
  • há predomínio da função poética diferentemente de gêneros jornalísticos como a notícia e a reportagem em que predomina a função referencial  – isso faz com que muitas vezes seja difícil delimitar crônica e conto, pois o autor usa recursos dos textos literários ficcionais [diálogos; elaboração de personagens; distanciamento do autor na narração]
  • por tratar do cotidiano é um gênero efêmero 
  • publicada em jornais, revistas e em sites na internet – posteriormente editam-se coletâneas de crônicas em livros
  • origem é a palavra latina chronica, que significa “relato de acontecimentos na ordem em que se sucedem no tempo”
SITES DE CRONISTAS: http://www.marioprataonline.com.br
[Bel -m4]




Sugestão de nome para o Concurso

5 03 2008

Pessoas,

como vocês sabem, este semestre faremos modificações no concurso de contos do Ilha. A primeira e mais importante delas é que haverá 4 gêneros: poesia, crônica, conto, artigo de opinião. Assim, o nome “Concurso de Contos” não mais se aplica. Como a Bel pediu que eu tomasse conta deste proejto, achei que poderíamos fazer um debate via blog, com sugestões para o nome de mais esse projeto do portuguesilha. Vamos lá, aguardo as sugestões!!

Melissa